Promover uma festa no salão de festas de condomínio, seja pra vários ou pra poucos convidados, exige muita organização e bom senso. Afinal, pra evitar confusão com a vizinhança, é preciso estar ciente do que dá e do que não dá pra fazer na hora de se divertir sem ir pra outro endereço, ficando ligado nas regras de uso do salão de festas de condomínio, que envolvem, por exemplo, horário de silêncio, cuidado com a mobília, limpeza e acesso às áreas comuns.

4 cuidados com a utilização do salão de festas de condomínio

1. Horário de silêncio

Pra festa não terminar em notificação, fique atento ao horário de silêncio do seu condomínio e, quando esse horário limite chegar, baixe o volume do som e peça para os convidados controlarem a altura da voz.

2. Limpeza

Normalmente o salão de festas do condomínio é entregue totalmente limpo. Por isso, se o seu prédio não oferece o serviço de limpeza do salão, antes de devolvê-lo, higienize tudo que foi usado para que o próximo condômino também possa realizar o evento em um ambiente limpinho e mais aconchegante.

3. Conservação

O salão de festas deve ser zelado por todos, pois é patrimônio do condomínio. Então procure ter o máximo de cuidado com a estrutura e com os itens que compõem o salão e peça para que os convidados façam o mesmo.
No entanto, se algum acidente acontecer durante a organização ou o andamento da festa, avise o síndico e se disponibilize pra arcar com o prejuízo.

4. Áreas comuns

O restante do condomínio não é a extensão do salão de festas. Portanto, pra evitar problemas quando a diversão terminar, não leve sua festa pra outras áreas.


Deu uma clareada nas dúvidas? Se ainda restou alguma, confira as normas de utilização específicas do salão de festas do seu prédio e fale com a gente pelas redes sociais ou pelo e-mail [email protected]!