Estamos na estação mais quente do ano e junto com ela começou a alta temporada nas piscinas, praias e parques aquáticos.

Para quem mora em condomínio, o lazer e a praticidade de ter uma piscina é maravilhoso, porém você sabe quais as recomendações para o seu uso? Como deve funcionar a manutenção? O que você pode levar/usar neste local? Quais os principais cuidados que se deve ter?

Neste post vamos ajudar você a entender sobre segurança, limpeza, organização e regras. Afinal, nem tudo pode, não é mesmo?

Manutenção das piscinas

Vamos começar pelo princípio: a limpeza da piscina deve ser feita durante todo o ano e não apenas no verão. Confira as dicas para deixar a sua piscina em ordem:

–  A periodicidade na conservação desse espaço é indispensável para evitar o contágio de doenças de pele e infecções, além de manter a água limpa e cristalina.

– A água do local deve ser filtrada diariamente.

– O ideal é que o controle do cloro seja realizado a cada dois dias.

– Recomenda-se fazer a limpeza do filtro e das bordas, o uso de algicidas e a aspiração uma vez por semana.

– Manter e conferir a limpeza da escada de acesso a piscina, dos mobiliários e do chuveiro.

– No inverno, por exemplo, opte por usar capas para cobrir a piscina, seja de proteção ou as térmicas que, além de colaborar com a limpeza, ajudam a manter a temperatura da água. Mas atenção! Não deixe acumular água e sujeira na superfície dessa capa para não criar focos de mosquitos transmissores de doenças, como a famosa dengue.

– Deve-se dar atenção na conservação dos pisos e revestimento e vistoriar se algum deles está rachado ou solto para que seja realizada a troca, além de conferir a sucção dos ralos.

Lazer com segurança

Quem não gosta de aproveitar uma piscina neste calor, não é mesmo? Mas para que a diversão seja garantida é muito importante que o local seja seguro. Em virtude disso, é sempre bom lembrar de alguns cuidados que se deve ter:

– Verifique se as bordas da piscina não possuem rachaduras, lascas ou alguma inconformidade, pois isso pode influenciar na segurança do local.

– Este espaço deve ter boa iluminação. Além disso, a rede elétrica deve funcionar perfeitamente para que não cause choques.

– Placas de sinalizações com a profundidade da piscina e a idade mínima para usufruir o local devem estar à vista dos frequentadores.

– O ideal é que o espaço onde a piscina se encontra seja cercado por grades e trancado. Assim, evita-se o acesso de crianças sem acompanhante. Caso não tenha a proteção em seu condomínio, peça para o síndico convocar uma assembleia com os moradores para traçar uma ação preventiva a fim de evitar problemas futuros.

– Oriente as crianças sobre o perigo dos ralos.

– Instrua os pequenos para não urinar na piscina.

Dicas de uso da piscina 

A piscina é um dos locais com mais movimentação nos condomínios durante o verão, por isso é tão importante entender as regras e manter a organização nesse espaço. O portal conhecido como braço direito do Síndico, Sindiconet, disponibilizou um modelo de regulamento e um cartaz com sugestões de uso para a piscina. Para complementar, vamos salientar alguns pontos relevantes:

– Se o seu condomínio já possui um regulamento para o uso correto da piscina, leia e esteja a par de como funcionam as regras do seu prédio para esse local.

– O ideal é evitar levar comida e bebida para a piscina, pois assim evita a sujeira no local e, consequentemente, na água.

– É fundamental ter um chuveiro para as pessoas passarem antes de entrar na água ou pelo menos um lava pés.

– Antes de entrar na piscina tire todo excesso de protetor solar que ainda está em seu corpo.

– Para evitar acidentes, objetos pontiagudos, vidros e até mesmo alguns brinquedos não devem ser levados para a área da piscina.

–  Como é uma área comum, o ideal é que você carregue o seu fone de ouvido em vez de colocar o som alto. Bom senso né, pessoal?

– Crianças só devem entrar na piscina acompanhados ou monitorados por algum responsável.

– Antes de convidar um amigo para tomar banho de piscina no seu condomínio, certifique-se de que as leis se a entrada de visitantes é permitida neste local.

Agora você já pode aproveitar a piscina do seu condomínio sem nenhuma dúvida. Caso tenha ficado algum questionamento, assista ao vídeo do E agora, Raquel? ou envia para a gente nos comentários. Não esqueça de se inscrever no canal e deixar o seu like!