Uma boa iluminação é requisito para qualquer imóvel, seja na sua casa, local de trabalho ou convivência. Ao longo dos anos, especialistas da área vem trazendo novidades de como utilizá-la de maneira sustentável e  econômica. Sendo assim,  os projetos arquitetônicos tem investido em iluminação natural que, além de gerar economia, proporciona uma estética mais agradável e traz benefícios a saúde. Para que essa alternativa seja realmente vantajosa, é necessário analisar a localização do imóvel, a quantidade de raios solares que cada cômodo recebe por dia, se está na posição de nascer ou pôr do sol, além dos fatores climáticos.

 clara5

Estudos apontam que a luz do sol tem grande influência sobre a disposição, saúde e bem-estar das pessoas. Isso advém porque a exposição ao sol, moderadamente, estimula a região do cérebro que é responsável por acelerar as atividades vitais e melhora do sono e apetite. Além disso, o contato também incita a produção de vitamina D a qual ajuda no fortalecimento dos ossos devido a maior absorção de cálcio. Por isso, muitas empresas optam pela iluminação natural, pois ajuda na produtividade e conforto visual além de evitar casos de estresse e depressão. Sem falar que trabalhar horas em frente de um computador ou pastas pode gerar alguns incômodos que comprometem o trabalho e também a saúde das pessoas, por isso a luminosidade vinda de fora auxilia no desempenho das atividades.

iluminacao-natural-escritorio-kolektyw arquitetura-corporativa-luz-natural-escritorio

Uma das vantagens que, provavelmente, mais agrade a quem opta por essa alternativa é a economia que pode proporcionar ao bolso $$, a final aproveitando a luz natural os gastos na conta de luz diminuem. Porém, devido ao vidro utilizado para que essa luz possa entrar, o ambiente acaba absorvendo maior quantidade de calor, o que necessita a utilização de ar condicionado ou ventiladores. Uma das medidas que podem amenizar o aquecimento é a escolha do vidro por temperado ou laminado com intenção de filtrar os raios solares que entram e proteger o ambiente para que ele não fique excessivamente aquecido.

luciana-gibaile-sala-arquitetura-decoracao-casa-sul1413233961836

Como você pode perceber, essa medida traz inúmeros benefícios tanto para a saúde, quanto para a sustentabilidade e economia. Vale lembrar que a iluminação natural não substitui totalmente a luz elétrica, ela serve como complemento. Não deixe de curtir e compartilhar com seus amigos, estamos sempre aqui para tirar qualquer dúvida e interagir com você. Além do Facebook, Insta, e Pinterest também estamos no Youtube com o canal de vídeos E agora, Raquel? Inscreva-se e participe junto com a gente!