Muitas pessoas optam por usar o FGTS para financiamento imobiliário, por ser uma alternativa que alivia o bolso e ajuda a viabilizar o sonho da casa própria. Mas, para que isso seja possível, você precisa preencher alguns requisitos. Confira quais são!

Quem pode usar o FGTS para financiamento imobiliário?

Há uma série de condições para quem deseja usar o FGTS para financiamento imobiliário e realizar o sonho da casa própria. Confira quais são elas:

Condições para o comprador

Segundo a lei, o comprador precisa ter, no mínimo, três anos de trabalho com o regime FGTS. Além disso, não pode ter outro financiamento ativo no SFH e também não pode ser proprietário de outro imóvel residencial no perímetro urbano do município de sua atual residência e da mesma região metropolitana.

Condições para o imóvel

Para financiar um imóvel usando o FGTS, ele precisa:

  • estar dentro do teto estabelecido;
  • ser urbano;
  • apresentar condições de habitabilidade conferidas pelo fiscal do banco;
  • estar matriculado no Registro de Imóveis;
  • não ter sido objeto de uso do FGTS em uma aquisição anterior dentro do período de três anos a partir da data de registro constatada na matrícula do imóvel.

Restrições de uso do FGTS

É importante ressaltar que alguns casos restringem o uso do FGTS para financiamento imobiliário. São eles:

  • adquirir um imóvel comercial;
  • reformar ou aumentar o espaço do imóvel;
  • comprar material de construção;
  • comprar um imóvel para terceiros, mesmo sendo familiares ou dependentes.

Como usar o FGTS para financiamento?

O uso do FGTS para financiamento imobiliário pode ser feito em três casos:

  • compra e construção;
  • amortização ou liquidação do saldo devedor, desde que o contrato tenha sido assinado como SFH (Sistema Financeiro de Habitação);
  • pagamento de parte do valor das prestações em até 80%, desde que seja como SFH.

Se você se encaixa no perfil de pessoal que pode usar o FGTS para financiar seu sonho da casa própria, saiba que o processo é bem simples e pode ser feito em financiamentos da própria CAIXA ou de qualquer outro banco que desejar.

Basta conferir seu saldo do FGTS, juntar toda a documentação necessária exigida pelo banco — em alguns casos ela pode ser encontrada para download no site oficial do banco ou na própria agência durante o processo de financiamento.

Em caso de dúvidas, entre em contato com a gente e fique de olho aqui no blog da Imobiliária Taperinha.