Querer que os filhos cresçam em um local seguro e com opções de lazer é o motivo que faz com que muitos pais prefiram morar com as crianças em condomínio. No entanto, dividir o mesmo endereço com várias outras pessoas pode distorcer a ideia que pai e mãe têm a respeito de liberdade e diversão dos pequenos. Afinal, ao contrário do que os familiares pensam, o condomínio não é o quintal de casa.

Esse choque de realidade ocorre pois diversos condomínios não permitem que indivíduos menores de 12 anos, considerados crianças pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), circulem pelas áreas comuns sem a presença de um adulto responsável, pois correm risco de acidentes.

Locais não apropriados para crianças, como elevadores e garagens, e até mesmo ambientes associados aos pequenos, como piscina, playground e quadra, apresentam grande perigo, uma vez que, sem um responsável por perto para acudir em uma emergência, acidentes podem ter consequências ainda mais graves.

De quem é a responsabilidade em caso de acidente?

A responsabilidade pelo bem-estar dos pequenos é sempre dos familiares, ou seja, se uma criança sofre um acidente, embora as câmeras registrem tudo, a tarefa de zelar pelos filhos recai sobre os pais. Ocorrências com crianças em condomínio só não são de responsabilidade dos pais quando o condomínio conta com um funcionário específico para cuidar da área de lazer, como um salva-vidas na piscina ou um monitor na recreação, por exemplo.

As regras devem estar presentes no regulamento interno, mostrando, com clareza e exatidão, tudo que pode e tudo que não pode, além da idade mínima para cada coisa. Por isso é fundamental que, antes de comprar ou alugar imóvel em condomínio, os interessados conheçam as regras que adultos e crianças deverão seguir.

Fonte: Sindiconet


Deu pra dar uma clareada sobre a responsabilidade com crianças em condomínio? Se ainda restou alguma dúvida, entre com contato com a gente pelo e-mail [email protected]pelas nossas redes sociais ou comente aqui no blog que esclarecemos tudo pra você!