As crianças crescem, e o quarto precisa crescer junto com elas! Afinal, à medida que o tempo passa, as necessidades do bebê vão naturalmente sendo alteradas, cedendo lugar para as de uma criança cada vez maior. Então entenda como transformar quarto de bebê em quarto infantil e contemple cada nova fase da vida do caçula da casa.

Como transformar quarto de bebê em quarto infantil

Cores

Apostar em tons estratégicos não significa ter um ambiente sem graça. Para os móveis e paredes, a falta de excesso das cores neutras e leves garante uma decoração mais atemporal e duradoura, enquanto pequenos objetos, como almofadas, tapetes, abajures e ursinhos, podem trazer cores de forma mais pontual e facilitar a hora de renovar o cômodo.

Revestimentos

Papéis de parede são ótimos aliados de quem tem pressa de mudar a cara do quarto, pois são práticos e transformam o ambiente de um dia para o outro. Além disso, quando a criança atingir uma idade um pouco mais avançada, os pais podem levar em conta as cores e os personagens favoritos dos filhos.

Móveis

Mobília multiuso é a melhor escolha que os pais podem fazer durante o processo de decoração do quarto dos filhos. Por isso dê preferência para os berços que viram minicamas e cômodas que podem ser usadas como trocadores e até escrivaninhas, lembrando sempre de cuidar se a estrutura é ergonômica e manterá a postura correta da criança, independentemente da época de uso.

Segurança

O quartinho do bebê deve ser o ambiente mais seguro da casa. Afinal, é nesse ambiente que a maior parte das brincadeiras tende a acontecer. Por isso, principalmente quando a criança começar a não usar tanto o berço, evite o carpete e opte por tapetes que possam ser facilmente lavados, jamais posicione o berço ou a cama embaixo da janela, invista sempre em móveis com pontas arredondadas, proteja todas as tomadas, tele as janelas e instale grades protetoras assim que a criança passar a dormir na cama.


Você tem mais alguma dica pra ajudar os pais de primeira viagem? Então deixe seu comentário e também compartilhe nossas sugestões! Mas se você entrou agora no mundo dos bebês e ainda ficou com alguma dúvida sobre a adequação do cômodo para eles, envie pra [email protected] ou fale com a gente pelas nossas redes sociais.